Bate Papo: Guga Nandes, nova aposta do pagode contou tudo sobre o lançamento do seu primeiro álbum"Pra Não Desgrudar" Vol. 1; Se liga!

20. março 2020 21:36 | Texto por Thais Coronado

Guga Nandes é carioca e pagodeiro nato, tem 21 anos, é cantor e compositor, começou sua carreira cedo cantando na igreja, onde ele integrou o coro infantil da Orquestra Sinfônica Brasileira. Na infância, ele foi destaque no programa Raul Gil, cantando música cristã. Mas foi compondo e postando vídeos de pagode no YouTube que o cantor se encontrou.

A mega novidade é que ele acabou de lançar seu primeiro álbum "Pra Não desgrudar" Vol. 1 que chega com oito faixas e quatro parcerias, com Mumuzinho, Suel, Vitão e Gabily e claro que conversei com o cantor para saber mais sobre sua carreira e esse álbum que está M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-O. 

Confira abaixo o bate papo com o cantor que vai conquistar o seu coração com suas canções! 

HCNOAR: A música está presente em sua vida desde sempre, mas você é novo ainda, passou pela sua cabeça em algum momento seguir outra carreira? Qual seria?

GUGA: Eu nunca tive esse pensamento por mais que as vezes passasse algumas coisas na minha cabeça que poderia não acontecer, aquele pensamento ruim que sempre aparece, mas eu sempre expulsei esse pensamento ou qualquer tipo de pensamento parecido com esse. Eu não me vejo fazendo outra coisa a não ser música, a não ser cantar, a não ser estar no palco. Por mais que pensamentos ruins pudessem ter vindo pra mim, sempre consegui expulsa-los e focar na minha carreira e eu estou onde eu estou graças a isso, por ter esse foco.

HCNOAR: Seu álbum de estreia conta com a participação de Suel, Vitão, Gabily e Mumuzinho. O que levou você a convidar esses artistas para cantarem com você mesmo que alguns cante outro gênero musical?

GUGA: São artistas que eu admiro bastante, que eu sou fã e gosto demais do trabalho e antes de convida-los eu imaginava esses artistas cantando essas músicas e os artistas escolhidos foram um acerto, sabe? Todos os artistas se encaixaram perfeitamente da forma que eu imaginava que seria e realmente essa mistura é o que eu sou, a mistura de todos os gêneros musicais, apesar do pagode e samba serem bem forte dentro de mim eu utilizo isso pra compor, pra cantar da forma que eu canto, cada gênero eu pego pra mim e é o que é Guga Nandes.

HCNOAR: O que te inspira na hora de compor?

GUGA: Compor pra mim é uma coisa bem orgânica, não é aquela coisa mecânica “ah, vou compor agora. Ah, amanhã eu vou compor” Eu tenho que sentir que eu tenho que pegar no violão que tem alguma coisa dentro de mim que quer sair, que eu quero colocar pra fora, algum sentimento, alguma coisa que está martelando dentro do meu coração. Enfim, coisas que acontecem em um relacionamento, coisas que acontecem quando está gostando ou quando você está triste com alguém. É assim que vem a inspiração pra mim.

HCNOAR: Quais artistas são referências musical pra você e qual a parceria dos sonhos?

GUGA:  Tem muitos artistas que são referencias pra mim, Bruno Cardoso que produziu meu DVD, Dilsinho que é um cara que eu sou muito fã, o Suel que é uma referência também. E pessoas que eu sonho em gravar são, Dilsinho e Bruno Cardoso, são nomes que vem primeiro na minha cabeça. 

HCNOAR: Na música “Reticências” que você canta junto Suel o refrão diz “eu tinha que te deixar ir”, mas no fundo querendo que a pessoa fique. Que conselho você daria para quem está passando por uma situação parecida do relacionamento estar pedindo um ponto final, mas o coração querer reticênciasjQuery15204429786447135686_1584837909335 

GUGA: O conselho que eu daria é pra sempre seguir o coração, sabe?! Se o coração pede pra pessoa ficar, eu acho que você tem que tentar até onde você tinha que chegar no seu limite. Eu sou uma pessoa assim, eu tento, tento, tento, até o meu último limite, então o conselho que eu poderia dar é pra seguir o coração, por mais que as vezes seja ruim a gente tem que ser feliz também, a gente não pode ser totalmente razão.

HCNOAR: Suas composições são inspiradas em acontecimentos pessoais?

 

GUGA: Eu sempre utilizo acontecimentos não só pessoais, mas acontecimentos com amigos, coisas que acontecem que a gente vê no cotidiano que acontece com outras pessoas também, mas a maior parte aconteceu com acontecimentos pessoais. 

A parceria com Suel, "Reticências", é uma das faixas que mais se destaca do projeto. Trazendo uma balada romântica, então bora conferir apertando o play!

Assista Reticências:


Comentários:
Aguardem novas promoções

novidades em breve

[Veja mais]

NOME
E-MAIL
BANDA
MÚSICA
 
  • 01.   CPM 22 - Perdas

    02.   Nx Zero - Modo Avião

    03.   Scalene - Surreal

    04.   Fly - Cabelo de Algodão

    05.   Tiago Iorc - Dia Especial

    06.   Luan Santana - Escreve aí

    07.   Banda do Mar - Mais Ninguém

    08.   Efelix - Segundo Plano

    09.   Against the Current - Talk

    10.   Supercombo - Piloto Automático

    11.   Scambo - Roda Gigante

    12.   Foo Fighters - Something From Nothing

    13.   Scracho - Divina Comédia

    14.   Versalle - Verde Mansidão

    15.   Mc Biel - Pimenta

    16.   Instinto - Agradeço ao Rock N' Roll

    17.   Paramore - Last Hope

    18.   Violetta - Euforia

    19.   Theodor - Adeus

    20.   Urbana Legion - Tempo Perdido

107HC, HCNOAR, direitos de imagem, audiovisual, idealização são todos reservados para Rede HCNOAR Produções