Foi Épico! A Comic Con Experience acabou, e fez o sonho de muitos se tornar realidade. Veja como foram estes quatro dias!

7. dezembro 2015 22:00 | Texto por Joao Felipe Marques

Um evento que ficará marcado na história da cultura pop chegou ao fim neste domingo. Foram quatro dias de muitas emoções, vários estandes sensacionais, painéis de tirar o fôlego e um cosplay melhor que o outro em uma terra que todos nós gostaríamos de poder visitar todos os dias. A Comic Con Experience 2015 fez jus ao seu nome, e ao seu propósito principal: Proporcionar aos apaixonados fãs brasileiros, a melhor experiência possível!

É difícil escolher por onde começar o relato desta experiência. Nerds podem ser esteriotipados de várias maneiras, mas algo que não se pode negar, é a devoção que estes fãs apresentam por seus ídolos. Como um fã antigo de quadrinhos da DC Comics, a imagem da mulher-maravilha exposta do chão ao teto, desenhada por ninguém menos do que o mito Frank Miller, é simplesmente a maneira perfeita de me dizer que estou entrando no lugar certo. O lugar que antes só existia nos vídeos gringos.

A quantidade de estandes que foram montados para esta edição da Comic Con Experience é assustadoramente empolgante! É um mais criativo e bem bolado que o outro, só pra você ter uma pequena idéia: Procurando Dory, novo filme da Pixar, foi representado por uma enorme piscina de bolinhas azuis e um escorrega.

A playstation exibiu o aguardado Uncharted 4, e montou uma parede de escalada para você se aventurar no meio do seu passeio. E a amada Netflix então, animou os quatro dias em seu enorme estande com um telão de Karaoke para os fãs testarem suas cordas vocais, cantando suas músicas favoritas das séries originais da plataforma.

Não faltaram opções de diversão para todas as idades presentes na feira! Desde nerds mais velhos que puderam se deliciar em nostalgias, até os mais novinhos com uma fantasia mais incrível que a outra brincando na Mini-Con, espaço criado especificamente para eles.

A Warner Bros precisava marcar presença na feira com toda a ansiedade que os fãs apresentaram por Batman Vs Superman, e meus amigos, a sensação foi de estar andando no meio da famosa Comic Con de San Diego. Os mesmos figurinos exibidos lá na gringa foram trazidos para nossas terras e quem passou pelo estande em algum dos dos quatro dias, pode ficar a alguns passos de distância das roupas de Batman, Superman e Mulher Maravilha.

Até mesmo os figurinos das séries Arrow e Flash da Warner Bros Channel, podiam ser conferidos, antes de tirar uma foto de despedida na cela da Arlequina (Sim, aquela do trailer!).

E se tem algo que me enxe de alegria ao sair da feira no fim do dia, é saber que estou deixando um lugar importante. Importante para nós fãs, mas importante também para a cultura do nosso país. O incentivo e a disposição do público brasileiro é inacreditável, como pode ser notado ao andar pelo belíssimo Artists Alley.

Já uma marca registrada da feira gringa, o espaço oferece visibilidade para artistas e quadrinistas nacionais que estão lá o tempo inteiro, desenhando na sua frente, e assinando as obras que você decidir comprar. Você consegue imaginar esta sensação? Andar em meio a tantas obras de arte incríveis e poder adquirir qualquer uma delas assinada pelo artista?

A cereja do bolo, o creme da rosquinha, aquele ápice da emoção do fã apaixonado. Os painéis apresentados durante a Comic Con Experience fizeram os milhares de geeks vibrarem e gritarem com os convidados internacionais, um mais impressionado que o outro com toda essa paixão do nosso país. Teve Marvel, teve DC, teve Fox, teve Sony, teve Netflix, teve Star Wars

O público era até permitido interagir em alguns dos painéis, e algumas perguntas puderam ser feitas para ícones como Frank Miller e Jim Lee. Quero inclusive ressaltar que fiquei emocionado ao assistir um antigo fã de Frank Miller desabar em lágrimas ao conseguir um autógrafo em sua edição de “300”, comprada tantos anos atrás quando era jovem. Mais um sonho nerd realizado nestes quatro dias. Isso sem falar da lindíssima Evangeline Lily e do Misha Collins)

O Painel da Fox apresentou diversos filmes para os fãs mais jovens para este próximo ano. Kung Fu Panda, Alvin e os Esquilos e Era do Gelo estão ganhando continuações e após o painel, os personagens destes filmes estavam todos no estande da Fox para tirar fotos.

Mas nenhum filme cativou tanto quanto o filme do Snoopy, que ganhou uma casinha logo ao lado do estande após o painel também. O espaço ainda servia como uma pausa durante o seu passeio para aproveitar o macarrão Nissim que estava sendo servido em uma simpática lojinha do Kung Fu Panda.

Andar por aqueles corredores de estandes incrivelmente coloridos e iluminados era hipnotizante. Você não quer perder um detalhe de nada, e ao mesmo tempo que ver tudo de uma vez! Visitar a feira inteira, com todas as suas atrações, era uma tarefa difícil porém muito prazerosa. E se você ainda desse sorte, podia dar de cara com alguém famoso no mundo nerd, desde editores de sites famosos, até atores e dubladores da sua infância.

Outros poderiam argumentar que o verdadeiro ponto alto da feira foi a diversidade e a quantidade dos cosplays encontrados de surpresa a cada esquina. Super heróis estavam por toda a parte tirando fotos e fazendo crossovers que nem mesmo o fã de quadrinhos mais pirado poderia conceber.

Era um verdadeiro desfile de personagens que você tanto adora ver nas telas, e você ainda podia ser um deles! O Syfy montou um espaço especial dedicado aos cosplayers, para que todo mundo pudesse entrar e sair de seus figurinos com tranquilidade.

A carteira chorou, e chorou muito. Todos saíram com um sorriso no rosto e um (ou mais, muito mais) pacote(s) nas mãos. A quantidade de lojas que deram as caras nesta Comic Con Experience era absurda e com certeza deixou muita gente endividada pelos próximos meses, com tantas action figures, miniaturas, espadas, fantasias, decorações e bugigangas nerds empilhadas nas infinitas prateleiras.

Porém não dá pra negar que a maior presença na feira, era dos fãs de Star Wars. Com o filme estando a menos de 10 dias do nosso alcance, a galera estava completamente pirada, era uma ansiedade coletiva presente em cada fantasia de Kylo Ren, boneco do BB-8 e até mesmo uma nova linha de cadernos da Jandaia, que você encontrava depois de alguns passos.

E eu ainda tive a oportunidade sensacional de entrevistar o autor de “Como Star Wars Conquistou o Universo” que estava presente pela editora Aleph. Foi um bate-papo super tranquilo com este simpático autor, onde ele respondeu algumas perguntas sobre o efeito que esta consagrada franquia tem sobre as pessoas.Ao ser perguntado sobre o que seria o elemento mais atraente desta amada franquia tanto para adultos quanto para os mais novos, Chris Taylor apontou:

“Eu acho que é o mesmo para ambos, acho que é a simples diversão. É divertido para todas as idades, é escapismo feito da maneira correta. As pessoas normalmente assumem que escapismo seria você estar escapando de algo, quando na verdade você pode estar escapando PARA algo. Eu acho que é isso que a galáxia muito, muito distante nos oferece.” depois de dizer que R2-D2 se tornou seu personagem favorito por causa do processo de escrita deste livro.

Como bom fã ansioso que sou, tive de perguntar o que este fã absoluto estava esperando dos novos filmes e a expectativa de Chris parece ser que este novo capítulo consiga cativar tanto os fãs antigo quanto a nova geração, igualmente. Em um último momento, o autor me revelou o por quê de ter escrito este livro: “ Por que era o livro que eu queria ler. Ninguém havia escrito a história completa da franquia.” “O que eu realmente queria fazer era responder a pergunta do título e tudo o que eu escrevi é para responder a esta pergunta”.

Nem consigo descrever como me senti empolgado de estar entrevistando alguém como Chris Taylor, falando daquilo que eu tanto amo desde criança: Star Wars! Esta feira estará para sempre marcada como um marco na história dos nerds e fãs brasileiros. Foi Épico!

Comentários:
Aguardem novas promoções

novidades em breve

[Veja mais]

NOME
E-MAIL
BANDA
MÚSICA
 
  • 01.   CPM 22 - Perdas

    02.   Nx Zero - Modo Avião

    03.   Scalene - Surreal

    04.   Fly - Cabelo de Algodão

    05.   Tiago Iorc - Dia Especial

    06.   Luan Santana - Escreve aí

    07.   Banda do Mar - Mais Ninguém

    08.   Efelix - Segundo Plano

    09.   Against the Current - Talk

    10.   Supercombo - Piloto Automático

    11.   Scambo - Roda Gigante

    12.   Foo Fighters - Something From Nothing

    13.   Scracho - Divina Comédia

    14.   Versalle - Verde Mansidão

    15.   Mc Biel - Pimenta

    16.   Instinto - Agradeço ao Rock N' Roll

    17.   Paramore - Last Hope

    18.   Violetta - Euforia

    19.   Theodor - Adeus

    20.   Urbana Legion - Tempo Perdido

107HC, HCNOAR, direitos de imagem, audiovisual, idealização são todos reservados para Rede HCNOAR Produções